03 abril 2016

# Poemas # Texto

Considerações sobre o amor.




    "E eu por um acaso sabia quem você era? Por um acaso sabia o que você queria? Eu somente sabia o que me dizia, e mesmo assim poderia não ser real.
    Mas após olhar em teus olhos tive a certeza, é como se colocássemos as cartas sobre a mesa, e deixássemos o destino se revelar. 
    Como se a vida fosse um tipo de quebra-cabeça, esperando com que cada peça aconteça, para que pouco a pouco pudéssemos moldar uma vida especial.
    Planejada inocentemente, por mentes amantes que se amam, de carnaval á carnaval.
    Deixar cair da velha fonte a água mágica da eterna juventude, afinal o amor é uma grande virtude, que faz rejuvenescer o coração.
    Tudo a nossa volta fica mais lindo, quando quem amamos nos quer por perto, a cada mudança de estação.
    O que eu mais queria era ter meu sonho realizado, alguém com quem caminhar lado a lado, e que soubesse me aquecer sem me queimar.
    Mas que não fosse qualquer pessoa, que fosse a pessoa certa a qual o destino encaminhou para que eu realmente pudesse descobrir o que é amar.
    As coisas acontecem com o tempo, as histórias são feitas de momentos, que embalam sonhos regados de sentimentos, transformando qualquer pensamento em ação.
    Coisas lindas acontecem do nada, temos que estar preparados, para atender ao chamado superior, devemos ao longo da vida, tropeçar em meio á corrida, mas levantar e seguir em frente de cabeça erguida, e saber identificar o verdadeiro amor."

Ps: Escrevi o poema acima aqui no dia 12/08/2013, no momento não entendi o porque, mas hoje em dia essas palavras fazem todo sentido do mundo para mim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

*Deixe sua opinião, ela é super importante para mim!

Beijos, e obrigada!